domingo, 18 de setembro de 2016

Fitas MOLLE caseiras (DIY)


O problema

Neste post vou mostrar como fiz fitas MOLLE sem gastar muito dinheiro. A necessidade surgiu da idéia de continuar usando alguns equipamentos mais antigos que eu tinha, no padrão ALICE, em conjunto com a Condor II com o padrão MOLLE. Os antigos clips metálicos funcionam mas não proporcionam retenção tão firme quanto a do padrão moderno, além de roçarem nas tiras da mochila, ocasionando desgaste que não ocorreria com as fitas.

A capa do cantil com os clips metálicos antigos.

As fitas da mochila manchadas de oxidação e com pontos de desgaste por causa dos clips.

A idéia

No mercado externo há diferentes tipos de prendedores, desde mini mosquetões plásticos a fitas emborrachadas, mas as mais comuns são de cordura ou Nylon, com botão de pressão. Inclusive são estas que equipam os bolsos padrão MOLLE 2, onde as fitas já vem presas aos mesmos.

Outro dia tive a idéia de fabricar algumas gastando bem pouco, com materiais facilmente encontráveis no Brasil. Eu utilizei tiras de Nylon de cinto militar, que vem em cores variadas e são muito resistentes. Estas custaram 3 reais por metro. Utilizei bege e verde, acompanhando as cores de bolsos que tinha. Comprei dois metros de cada e sobrou bastante, é provável que nunca mais precise comprar esse material.

As tiras de nylon compradas a metro rendem muitas fitas.

A tira encaixa perfeitamente no cantil.

E também perfeitamente na mochila.

O processo

Basta cortar a tira no tamanho desejado, queimando a ponta para evitar que desfie, e instalar os botões. Eu calculei para após trançar nas tiras da mochila virar e fechar.

Caso não tenha a máquina de fixar botões nem interesse em comprar, qualquer sapateiro ou loja de conserto de roupas poderá fazer este serviço.

Máquina de instalar ilhoses, rebites, botes de pressão e afins da minha sogra.
O cantil preso à mochila já utilizando as fitas.

O resultado poderia passar por algo feito comercialmente, porque o encaixe é perfeito e o bolsos ficam firmes. Quem quiser testar e produzir algumas em casa pode usar a idéia à vontade.

Te vejo na trilha!

4 comentários:

  1. Respostas
    1. Antonio, pra mim funcionaram bem, pendurei o cantil cheio na mochila e não soltou, andei bastante e até rodei de moto com ela. Levando em conta que ele é de sistema antigo ficou bem preso, um bolso molle ficaria ainda melhor.

      Abraço.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...