domingo, 27 de março de 2011

Fazendo uma colher ao estilo Bushcraft

Uma parte divertida de praticar bushcraft é a fabricação de implementos de forma tradicional, enquanto se está no mato.

A sensação de ser capaz de substituir um item perdido compensa o trabalho duro que a fabricação requer. Na maoria dos casos, quando o item já está em estágio funcional pode ser usado, e com o tempo o acabamento vai sendo aperfeiçoado.

Com um pouco de habilidade e imaginação se pode fabricar talheres, potes, vasos, jarras e muitas outras coisas, e no exterior existem até cursos em grupo destinados a tais práticas.

Esta colher foi feita no meu tempo livre em 3 dias, usando apenas lâminas, sem nenhuma ferramenta especial. Foi a minha primeira tentativa.

A madeira usada foi angico, bastante comum pela região da fazenda. Ela é mais fácil de trabalhar que madeiras mais duras, mas tende a rachar em cortes muito profundos, o que exige cuidado.

A primeira etapa foi selecionar um pedaço caído no chão, e separar uma porção com sobra.
Depois, a madeira foi rachada com o facão, e de uma das partes saiu a colher.
Depois de algum tempo trabalhando com a EDC, o oco da colher vai tomando forma.
Satisfeito com esta parte, usei a serra Gerber para cortar grosseiramente os contornos da colher.
Daí em diante foi questão de acertar as formas com o facão e a EDC, até chegar ao ponto desejado.

Pronto, um item funcional, e feito inteiramente à mão, como nossos antepassados fariam. Neste estágio já é uma colher, embora em outras idas ao mato eu pretenda refinar os contornos.

Importante

Tenha sempre cuidado ao manusear suas lâminas, principalmente esculpindo alguma peça, pois acidentes são frequentes e nem sempre brandos. No primeiro dia da confecção da colher, após um escorregão da faca, cortei o indicador da mão esquerda. A cicatrização completa deste corte demorou mais do que toda a fabricação. Algo a se pensar, não?

Te vejo na trilha!

11 comentários:

  1. Parabéns pelo blog, gostei das dicas!!

    ResponderExcluir
  2. Muito bom, André, boa habilidade na madeira, amigo!
    Abraço.

    ResponderExcluir
  3. Obrigado Walter, em breve postarei novos posts sobre bushcraft.

    ResponderExcluir
  4. João, foi um teste para mim e para a EDC, que fez quase todo o trabalho. :)

    Abraço.

    ResponderExcluir
  5. Bom saber que a pequena funcionou bem! Abraço!

    ResponderExcluir
  6. Olá André, sou novo por aqui, gostei muito do seu blog. Estava aqui morendo de vontade de me aventurar por aí, mas está difícil de arrumar grana e companhia, então ouvi falar do bushcraft. Gostei muito e até resolvi me aventurar nas técnicas. Aqui está meu primeiro projeto, a construção de uma colher de madeira. Veja só: http://brasilaventura.blogspot.com/
    Este blog aqui é novo, foi feito sem pretensão alguma, a não ser mostrar como vou indo com o Bushcraft. Se puder dar uma olhada agradeço.
    Um abração! Renê Fernandes

    ResponderExcluir
  7. Renê, sua colher ficou mais bem formada que a minha, parabéns!

    O grande barato de andar por trilhas é que não precisa de uma tonelada de equipamento sofisticado.

    Aliás quanto mais se sabe de menos se precisa.

    Se precisar de alguma ajuda, é so falar.

    Um abraço.

    ResponderExcluir
  8. Otimo trabalho no entalhe desta colher parabéns !! dê uma passada em meu blog, tenho muitas coisas sobre Bushcraft !!!
    http://bushcraft-artedomato.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Cláudio, vou dar uma checada lá.

      Abraço.

      Excluir
  9. Muito bom colega... Parabéns !

    grande abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado! Você sabe que eu comprei uma Mora carving só pra isso e nunca usei? Preciso arrumar mais tempo para ir para o mato!

      Abraço.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...